Centro Cultural e Turístico do Vinho

Centro Cultural e Turístico do Vinho

CCTV_Esquisse_sept 2011.jpg centre culturel et touristique du vin de bordeaux

DADOS DO PROJETO:

Localização: Bordeaux – França

Arquitetura: XTU

Cliente: Câmera Municipal de Bordeaux

Concurso: 2011

Conclusão: 2014

Área: 12.927 m2

Centro Cultural e Turístico do Vinho (1)

Centro Cultural e Turístico do Vinho (2)

 

Conceito

            O conceito aplicado ao projeto foi nada mais que a flexibilidade encontrada na forma líquida do vinho. O delicado movimento do vinho sendo derramado numa garrafa serviu de inspiração ao escritório francês X-TU Architects para projetar o novo Centro Cultural e Turístico do Vinho. Este movimento, serve para ilustrar, inclusive, toda a história de cultivo do vinho na cidade Bordeaux na França!

“A TRADIÇÃO DO VINHO NA ARQUITETURA”

Centro Cultural e Turístico do Vinho (3)

Sobre o Projeto:

Dedicado à cultura e a diversidade do vinho, o projeto do Centro Cultural e Artístico do Vinho, tem por objetivo ser uma grande instituição que celebra o passado olhando para o futuro. A edificação, com 47 metros de altura, figura essa transição temporal através de composições volumétricas que criam diferentes perspectivas das disposições espaciais.

A flexibilidade do vinho é traduzida através de elementos como madeira e membrana translúcida, que são capazes de transmitir aos visitantes uma divertida experiência sensorial.

Centro Cultural e Turístico do Vinho (3)

Centro Cultural e Turístico do Vinho (7)

Centro Cultural e Turístico do Vinho (8) Centro Cultural e Turístico do Vinho (9) Centro Cultural e Turístico do Vinho (10) Centro Cultural e Turístico do Vinho (11)

O material translúcido que reveste o esqueleto estrutural permite variadas formas que integram a entrada de luz natural. A escolha da madeira também remete à concepção do projeto associado ao produto, tendo a sua estrutura como um grande barril de amadurecimento e envelhecimento do vinho.

O projeto foi desenvolvido para alimentar a percepção sensitiva dos visitantes, transformando os acessos e espaços num cenário que transmite a ideia de entrar numa garrafa de vinho, com um misto de áreas amplas e outras mais intimistas.

O novo complexo abrange áreas para exposições temporárias, espaços de degustação “poli-sensoriais”, áreas de convivência e bares com vistas para o rio Garonne e para a vinícola. A cobertura apresenta aberturas que permitem a entrada de iluminação zenital nas áreas de paisagismo convidativo, que também atuam como fontes de ventilação natural e melhoria do conforto térmico.

Centro Cultural e Turístico do Vinho (15) Centro Cultural e Turístico do Vinho (16) Centro Cultural e Turístico do Vinho (17) Centro Cultural e Turístico do Vinho (18) Centro Cultural e Turístico do Vinho (19) Centro Cultural e Turístico do Vinho (20) Centro Cultural e Turístico do Vinho (21)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *